27 julho 2008

Depoimento de Michel Cirilo


Eu tenho Ceratocone e desde os 14 anos usuário de RGP (lentes rígidas gás permeáveis). Aos 18, de Ultracone e com 19 não conseguia mais usar lentes no olho direito, pois o cone estava muito avançado e a lente havia causado um leucoma no centro da córnea, pois raspava, deixando um astigmatismo que piorava mais ainda a visão. Hoje tenho 21 anos.
Passei por vários oftalmos e sempre a mesma opinião: anéis no seu caso não adiantavam, nem lamelar, nem crosslink, pois o cone era muito grande. Então, no dia 20/06 me ligaram do BOS avisando que meu Tx no OD estava marcado para dia 24/06 às 19:30. No dia 24/06 não fui ao trabalho; estava em jejum desde as 11 h, peguei os exames do pré-operatório e fui para o hospital.

Fiquei no quarto até a sala da cirurgia ser preparada. Me levaram para lá com uma fita no braço direito. Quando deitei na maca e vi meu médico comecei a tremer, meu queixo batia, comecei a suar frio. Veio o anestesista e começou a conversar explicando como seria a anestesia,
Eles me deram um calmante que me fez dormir um pouco, não vi a anestesia, mas quando acordei, meus braços e pernas estavam amarrados, e o médico estava com um tipo de compasso medindo.
Vi várias coisas, depois ficou tudo branco. O mais difícil foram os pontos, eu dizia que estava doendo, o doutor dizia que era impressão minha, que estava anestesiado, mas quando minha pálpebra começou a tremer, sinal que estava mesmo sentindo, ele chamou o anestesista que aumentou a dose e eu só acordei nos 4 últimos pontos.Recebi alta e fui para casa na mesma hora.
No dia 27/06 fui para o consultório dele onde logo pela manhã tirou o tampão. Pediu para ficar com o olho aberto, e quando ele ligou a luz eu desmaiei.
Nos 3 primeiros dias não conseguia abrir o olho, lacrimejava muito e nem o esquerdo conseguia abrir, pois eu sou destro e tenho dificuldade de abrir o olho esquerdo sem abrir o direito, quando eu tentava abrir o olho esquerdo forçava o olho direito e doia um pouco, então eu desisti e resolvi ficar os 3 primeiros dias com o olho fechado. só abria para pingar o Zymar e Pred Fort.
Doia um pouco, o doutor disse que era porque os pontos estavam muito apertados, a pressão ocular estava em 15.
No olho do tx eu sinto menos fotofobia do que no outro que uso Ultracone, por isso nunca saio de casa sem óculos de sol.
Fiz topografia no dia 23/07 depois de 30 dias de Tx. O oftalmo disse que estou com hipermetropia muito forte, porque foi retirada quase toda a córnea e ficou muito pouco da antiga, e então a córnea nova aplainou muito, causando esta hipermetropia alta, e os pontos estão causando astigmatismo, pois estão cicatrizando e a cicatriz está ficando e isso não pode. pois pode ficar manchado, um tipo de leucoma. Então, talvez, ele retire os pontos ainda esse mês. Se retirar os pontos tem o risco de cicatrizar e ficar uma miopia.Agora é torcer para cicatrizar sem ficar nenhum dano na córnea, e que não precise retirá-los, Estou afastado pelo INSS, não é meu cargo, nem meu trabalho que vai trazer minha visão de volta.
Quem tem que pensar em mim sou eu!
.
Michel, espero que o teu Tx dê ótimos resultados. Ele é recente e é preciso tempo e paciência para sentirmos os resultados.
Boa sorte!

Um comentário:

Paula disse...

Tomara que dê tudo certo para você! Boa sorte